28/08/2016

Não é você

Sou eu...

que sente 
a alma invadida,
dilacerada,
por uma tristeza
tamanha

impublicável...


h.f.
28 ago./2016


25/08/2016

Tempo sombrio...

Em tempo de estio,
onde o vento sopra
som_brio,


                  silencio


h.f.
25 ago./2016


18/08/2016

Minh'alma deságua em ti

Não faças tempestade
em copo d'água...

Se me afasto,
em busca de espaço,

deságua minh'alma
em teu abraço


h.f.
18 ago./2016


16/08/2016

Não é amor

Não, não é amor...
Nem da sua
ou minha parte

É o que fere
o que arde

Dor que profere
arte


h.f.
16 ago./2016


07/08/2016

P.S.

O amor
só pode ser definido
poeticamente

Sendo obra
do sentimento,
namora com a imaginação


P.S.:
Meu amor
por ti
é poesia


h.f.
7 ago./2016


05/08/2016

Era doloroso

Você partia tantas vezes
e retornava com abundâncias
até então estranhas a mim...

Era doloroso, sabia?
Não as novidades em si.
Doía a desimportância...


h.f.
5 ago./2016


Amor sem fim

Deixa eu contar
um segredo...
Não tem uma noite
que não te ame colada
ao travesseiro
Se o sono demora
a vir
Te sonho acordada,
amor sem fim


h.f.
5 ago./2016


03/08/2016

...

Quando atento
ao fim,
estou morrendo
de


h.f.
3 ago./2016


Expectativa

Se penso em nós
― no sentimento
que namora 
e não nos permite
mentir
Atento à hora
de nos alinharmos
ao fim


h.f.
3 ago./2016


01/08/2016

Da minha fragilidade

O que você não sabe
ou finge não crê
é da minha fragilidade...
Sou tão frágil
que, sob quaisquer sintomas
de saudade, não tardo
chover.


h.f.
1 ago./2016


"O sonhador, em seu devaneio, não consegue sonhar diante de um espelho que não seja profundo."

(Gaston Bachelard)